quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Brasil eliminado das Olimpíadas



O Brasil foi, novamente, eliminado das Olimpíadas. É difícil ter o que falar depois dessa frase, mas temos algumas coisinhas a dizer. Aqui no WNBA Brasil acompanhamos de perto o desenvolvimento da nossa seleção. Além disso, nossas colaboradoras são especialistas em diversas áreas das humanas, portanto, chegamos à conclusão de que nada se resume a um evento exclusivo. Primeiro, reconhecemos que as nossas atletas NADA tem a ver com esse resultado. Elas estão em quadra, mas não tem o mínimo do recurso necessário para que cheguem ao pódio. Seu único recurso é o talento individual, que temos de sobra, mas não as é permitido desenvolve-lo. No nosso país, muito se fala sobre meritocracia e no atual momento essa palavra é utilizada para justificar preconceitos. Não existe meritocracia no basquete brasileiro. Enquanto os meninos têm uma liga estruturada, com um campeonato adulto solidificado com parceria com a NBA e um campeonato de base nacional, as meninas dependem da boa vontade de dirigentes que guardam afeição pela modalidade para pedir sobras a patrocinadores. Agora que já falamos de meritocracia, vamos falar de preconceito. Durante um bom tempo, a preocupação maior era com o uniforme que as meninas usavam do que com a estrutura que tinham para treinar. Para o patriarcado que comanda a CBB, elas tinham que usar shortinhos, mostrar as curvas. E aí exigiam garra. Vocês percebem a incoerência? Exigem uma feminilidade externa e uma atitude completamente oposta. Nossas meninas são lindas. Lindas demais! Cada uma delas! Não precisam que o uniforme mostre isso. Seu ganha-pão, o sustento, o trabalho, é o basquete. E é isso que queremos que elas sejam motivadas a mostrar dentro de quadra.
Nós, do WNBA Brasil, temos tanto a falar sobre e para essas meninas. Vocês são nossa inspiração. Vocês não merecem ser eliminadas. Vocês merecem o pódio, mas este foi tirado de vocês. Tirado por quem se passa por patrono da modalidade, mas na verdade só quer uma posição de prestígio. Meninas, contem com o nosso apoio SEMPRE. Não desistam. Vocês nos fazem felizes, e ver vocês em quadra é um alívio que sentimos diante das mazelas diárias e sociais que vivenciamos. FORÇA! Estamos com vcs. (Equipe WNBA BRASIL)



Um comentário: